Logotipo librería Marcial Pons
Provas ilícitas e arbitragem

Provas ilícitas e arbitragem

  • ISBN: 9786599661136
  • Editorial: Marcial Pons, Ediciones do Brasil
  • Lugar de la edición: Saõ Paulo. Brasil
  • Encuadernación: Rústica
  • Medidas: 24 cm
  • Nº Pág.: 277
  • Idiomas: Portugués

Papel: Rústica
33,00 € 31,35 €
Stock en librería. Envío en 24/48 horas

Resumen

O presente estudo concentra-se no inesgotável tema das provas ilícitas na arbitragem, com sua repercussão na formação do convencimento do árbitro, em consonância com as garantias que um processo justo e equitativo impõe às partes e aos julgadores. Procurou-se manter distância do mero transportacionismo de teorias do processo civil para o processo arbitral, ao mesmo tempo em que se evita recair no puro arbitralismo, que vê esse ramo do direito como um compartimento estanque. Seguiu-se, por isso, a orientação segundo a qual seria de rigor a inserção da arbitragem na Teoria Geral do Processo. Sob pena de, ignorando-se a influência do Direito Constitucional Processual nesse campo, incorrer em sérios equívocos metodológicos e alcançar conclusões inaplicáveis ao nosso sistema jurídico.

AGRADECIMENTOS
PREFÁCIO
INTRODUÇÃO
I. A PROVA: CONSIDERAÇÕES GERAIS
II. NORMAS DE ORDEM PÚBLICA, COGENTES, E DE PROTEÇÃO A DIREITOS FUNDAMENTAIS: PRINCÍPIOS APLICÁVEIS
III. A INADMISSIBILIDADE DAS PROVAS ILÍCITAS
IV. ÁRBITROS E JUIZ: A COMPARAÇÃO POSSÍVEL NO TOCANTE À ATIVIDADE PROBATÓRIA
V. MEIOS DE PROVA TÍPICOS E ATÍPICOS NA ARBITRAGEM
VI. APLICAÇÃO DO CÂNONE DA PROPORCIONALIDADE
VII. RESULTADO PROBATÓRIO NA DECISÃO ARBITRAL
VIII. CONCLUSÕES GERAIS
IX. CONCLUSÃO FINAL: SOBRE O CABIMENTO DE AÇÃO DECLARATÓRIA DE NULIDADE DAS DECISÕES ARBITRAIS QUE ADMITEM PROVA ILÍCITA APÓS O DECURSO PRAZO NONAGESIMAL
REFERÊNCIAS

Prefácio de Fabiane Verçosa.

Resumen

Utilizamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios y facilitar la navegación. Si continúa navegando consideramos que acepta su uso.

aceptar más información